4 iniciativas para aproximar as pessoas dos parques

Há algo muito incoerente em olhar pessoas e natureza como coisas separadas. Somos, afinal, frutos do mesmo processo de evolução que nos trouxe até o momento atual. Crescemos juntos até agora e não faria sentido separar nossos caminhos daqui pra frente.

Parques são espaços que existem para abrigar essa intersecção entre a vida humana e o mundo ambiental. Há diversas iniciativas que promovem essa proximidade, seja por meio de atividades que incentivem a visitação ou até mesmo engajando os usuários pelo celular. Listamos quatro exemplos ao redor do mundo que você precisa conhecer.

 

1. Aplicativo Trilha Transcarioca

Com ele o usuário passa a ter um papel ativo na conservação da trilha que atravessa cinco parques e um monumento natural. Ao reportar, por meio do aplicativo, possíveis problemas encontrados no percurso, o visitante se torna co-responsável pelo cuidado com o ambiente natural e passa a ter um papel na melhoria da experiência das próximas pessoas que passarão por ali.

2. Semana de Parques Nacionais da África do Sul

A beleza da savana e os animais que vivem ali atraem turistas do mundo todo. No entanto, desde 2006, o Sistema de Parques da África do Sul dedica uma semana especial para estreitar os laços entre as áreas protegidas e as comunidades que vivem em seu entorno. Na ocasião, além da entrada gratuita, são realizadas diversas atividades esportivas e culturais. Já imaginou essa iniciativa replicada no parque perto de você? Afinal, nada como uma trilha ou um luau ao pôr do sol para fortalecer o vínculo.

3. Banho de Parque

A inspiração veio da tradição japonesa dos banhos de floresta, que envolve caminhadas e observação atenta da natureza. Em terras nipônicas, a técnica é usada como tratamento para saúde física e mental. Há, inclusive, estudos científicos apontando melhoras na pressão arterial e nas funções cerebrais. Em solo tupiniquim, a atividade foi da floresta para os parques urbanos. O Ibirapuera, em São Paulo, já recebeu turmas voltadas para melhorar a qualidade de vida da terceira idade.

 

4. Escola no Parque

Lembra quando você era criança e brincava na areia da escola? Talvez você tenha estudado em lugar que tinha uma bela árvore, ou várias. Essas experiências do começo da vida nos marcam e fazem parte da nossa formação enquanto indivíduos e enquanto cidadãos.

Pensando em proporcionar essas experiências, a iniciativa School in the Park oferece programas que unem o ensino formal e vivência no mundo real dentro do Parque Balboa, na cidade de San Diego, nos Estados Unidos. No Brasil, diversos parques recebem alunos em museus e áreas naturais, como o Parque Nacional do Itatiaia. No entanto, ainda há muito espaço para expandir essas iniciativas.

 

Publicado originalmente no Huffington Post Brasil.

Conteúdos relacionados